>

quinta-feira, dezembro 06, 2012

14. Zé-Viajante



                      Memória

13 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Que bela imagem de boa memória. E
tanto que havia para dizer sobre
este tempo e estas coisas.

Rocha de Sousa

6/12/12  
Blogger agrades said...

Memória da nossa infância. Boa lembrança.

6/12/12  
Blogger agrades said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

6/12/12  
Blogger Licínia Quitério said...

As linhas arredondadas, tão ao estilo da época. "De Queluz à Cruz Quebrada... nim no nim no nim no nim no" assim diz uma canção do Zeca. :)

6/12/12  
Blogger M. said...

Eram tão bonitas estas linhas antigas!

6/12/12  
Blogger Luisa said...

Uma bontia memória.lembro-me bem destas formas arredondadas que não davam para grandes velocidades mas que nos levavam em segurança ao nosso destino.

6/12/12  
Blogger bettips said...

Que linda, com nome e tudo!
O buraco de ozono ainda era pequenino...

6/12/12  
Blogger mena maya said...

A memória às vezes pega-nos partidas. Já nem me lembrava do nome Eduardo Jorge!

7/12/12  
Blogger Zé-Viajante said...

...e no TransAtlântico há uma foto adicional. Paços do Concelho de Sintra

7/12/12  
Blogger Benó said...

O bondinho amarelo como diriam os nossos irmãos brasileiros. Boas recordações.

7/12/12  
Blogger jawaa said...

Que lindeza!
Podemos ir dar uma volta?

7/12/12  
Anonymous Anónimo said...

Possivelmente de Queluz à Cruz Quebrada eram algumas horas de viagem. Com paragens em todas as povoações, com paragens provocadas pelo aquecimento do motor,com demoras para deixar passar alguns rebanhos. Enfim, grande contraste com os 5 ou 10m de agora.

Bonita evocação, Zé

Teresa Silva

9/12/12  
Blogger Justine said...

Como eu gosto dos carros e de outros objectos dos meados do século passado!

10/12/12  

Enviar um comentário

<< Home