>

quinta-feira, dezembro 06, 2012

4. Jawaa



                            Mesa

12 Comments:

Blogger Rocha de Sousa said...

Bela imagem, belo contexto e bom
título: embora seja pena não haver
uma cena escrita sobre a mesa e a
degola da galinha, a solução é
inteligente e esteticamente boa.

6/12/12  
Blogger agrades said...

Pobre bicho! Por ser tão belo, propicia dois pecados : a morte e a gula!
A foto esta muito boa.

6/12/12  
Blogger M. said...

Rocha de Sousa:

Antes assim, não me apetecia nada assistir a uma degola no meu ecrã de computador. Bem me lembro dos perus de Natal que, por causa da aguardente que lhes enfiavam pela goela abaixo, andavam aos tombos no chão da cozinha de casa dos meus pais até lhes serem cortados os pescoços. Uma preparação magnífica de ceia de Natal para uma criança...

6/12/12  
Blogger Licínia Quitério said...

Um bicho tão lindo com tão cruel destino. Pensar na degola dá-me um certo arrepio. E nem sequer sou vegetariana.

6/12/12  
Blogger Luisa said...

O que me consola nesta imagem é que o animal não tem a menor ideia do que lhe irá acontecer.

6/12/12  
Blogger bettips said...

Luisa, tem miolos de galinha!!!
M. cá no norte, era com vinho fino!!!

Jawaa: é uma rica ideia, esta da mesa figurada: mesa do bicho e que salta para a nossa (esqueçamos a degola... que uma cabidela e canja sabem tão bem!).

6/12/12  
Blogger mena maya said...

Um galo com miolos de galinha, Bettips, também uma excelente metáfora!

Num Natal há muitos anos também se tentou matar um peru bêbado em minha casa, que fugiu pela rua acima de cabeça pendurada, até que caíu redondo...Se fosse agora, tinha decerto sido atropelado!

Um belo exemplar, Jawaa!

7/12/12  
Blogger Benó said...

Uma boa cabidela fica bem em qualquer MEsa. Pobre galinho.

7/12/12  
Anonymous Anónimo said...

Este ainda têm boa vida, não estão metidos em aviários ...mas temos que esquecer esses pormenores quando comemos um bom frango na púcara.

A fotografia está muito engraçada

Teresa Silva

9/12/12  
Blogger jawaa said...


Uma boa notícia para vos dar: este frangote foi absolvido da condenação à mesa de Natal, uma vez que apareceu morto o rei da capoeira, um belo galo pedrês.
Escapar assim à panela, é uma sorte de que poucos se podem gabar!

10/12/12  
Blogger Justine said...

Mas que galo(ou galinha?)tão "caseiro"!As cores são de quem vive no campo:))))

10/12/12  
Blogger jawaa said...


Pois vive no campo, Justine, tem mais espaço do que eu tenho de jardim! E tem o que me faz falta em casa: uma bela vala de água corrente para beber e se refrescar no verão:).
Aquela rede que se vê circunda um espaço para protecção das «crianças» de patos e gansos, pintos também.

12/12/12  

Enviar um comentário

<< Home