>

terça-feira, dezembro 18, 2012

O MEU JARDIM DE AMARELOS, UM DOS LUGARES ONDE ME SENTO


Fotos de M 

(A culpa foi da Jawaa...)

6 Comments:

Blogger Rocha de Sousa said...

Belas fotografias, o fascínio do
lugar e do seu uso. Gostei muito

18/12/12  
Blogger Justine said...

Belíssima sequência, M.! Mas as cenas campestres são do fim do verão, não são? É que eu só tenho castanhos e verdes molhados no jardim:))))))

18/12/12  
Anonymous Anónimo said...

E fazes bem... distribuir coisas bonitas, inesperadas. A abóbora fez-me logo lembrar a "Gata Borralheira".
Todos diferentes, todos iguais, num lugar-vale de perene infância e memória.
Lindos os teus amarelos, do pálido ao vibrante!
da bettips

18/12/12  
Blogger M. said...

Justine:
Pois são mas quando se está já no fim do verão (ou estarei no outono? Ou quiçá no inverno?) faz-se como os velhotes que se comprazem a falar do passado... :-))
Ainda por cima adoro amarelo.

19/12/12  
Blogger jawaa said...

Também gosto gosto do amarelo, Manuela, e das fotos, e fico sensibilizada porque resolveste recuperar o teu chapéu de palha.
É tão bonito!

19/12/12  
Blogger Licínia Quitério said...

Um pomar de amarelos e de verdes e de todas as cores de muitos tempos. Um encanto de lugar.

22/12/12  

Enviar um comentário

<< Home