>

quinta-feira, janeiro 03, 2013

5. Justine



                                                  Triarquia

14 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Julgo que esta imagem tem a ver com um escultor que irrealiza o real triarquizando a bidimensão.

Rocha de Sousa

3/1/13  
Blogger bettips said...

Eu só me lembrei dum "triunvirato", neste caso bem divertido pela cara destes "governantes" dum país feliz! Juan Muñoz recontando histórias.


3/1/13  
Blogger jawaa said...


Expressão feliz não lhes falta. Mesmo esquecendo os traços orientais, portugueses não poderiam ser...

3/1/13  
Blogger Luisa said...

Lá felizes parecem eles. Ou terá sido só para o retrato?

4/1/13  
Blogger Luisa said...

Justine, desculpa a minha ignorância, mas que são estes senhores?

4/1/13  
Blogger agrades said...

Três personagens que devem ter que contar...
Fico a espera de saber.

4/1/13  
Blogger Justine said...

Luísa e Agrades, esta foto faz parte de uma série de fotografias que fiz na exposição de Juan Muñoz em Serralves,em 2008. Foi uma exposição que me impressionou muitíssimo!Grupos de homens sempre iguais, sempre a rir!
Se procurarem na Net, certamente vão encontrar informação detalhada dessa exposição.
Permanecem no Porto, no Jardim da Cordoaria, 2 ou 3 esculturas que Muñoz ofereceu à cidade.vale a pena ir lá vê-las...

5/1/13  
Blogger agrades said...

Obrigada pela explicação. Bj.

5/1/13  
Blogger Benó said...

Também vi a exposição e admirei a criatividade do Muñoz em pôr a mesma expressão nos homens só mudando a roupa e as posições o que no nomento me levou a pensar que vivémos num mundo sem sentimentos.

5/1/13  
Anonymous Zambujal said...

Há muitos, muitos anos li um conto (de quem?) sobre um baile de carnaval em que um dos mascarados de arlequim (seria?) enlouquece ao se conseguir reconhecer no espelho que reflectia dezenas de mascarados de arlequim.
Era assim???
Quanto a TR(o)Ikas sorridentes bem basta o que basta!

6/1/13  
Anonymous Zambujal said...

Já sei... Giovani Papini!
Ainda me falta ir ao arquivo da memória buscar o nome do conto. Está noutra secção... mas já me lembrei de muita outra coisa à volta desse conto-

6/1/13  
Blogger Licínia Quitério said...

Um homem a sorrir pode perturbar. Três perturbam ainda mais. Imaginemos um mundo de sorridentes. Curiosíssima esta exposição, que só vi através da net.

7/1/13  
Blogger agrades said...

Vi há tempos, suponho que em Alges, numa rua onde nao passavam carros, umas figuras semelhantes, todos brancos.
Acho que eu ia ver o cirque du sol... , mas nao pude ver com atenção.
Nao sei se foi coisa temporária ou se continuam lá e especialmente quem será o autor...
Aida
Ps. Esta tablete e capaz de alterar os nomes, quando desconhece. E cabeçuda! Quis escrever sol em francês, mas ela e torta e teimosa...

8/1/13  
Blogger Benó said...

Em resposta à Agrades, esclareço que ainda lá estão as estátuas em Algés, são 15 e o escultor é o António Quina.
Não sei se a Câmara de Oeiras tem feito alguma coisa pela sua manutenção, pois os pássaros e não só tinham-nos tratado muito mal.

9/1/13  

Enviar um comentário

<< Home