>

quinta-feira, março 14, 2013

6. Licínia



ERA APENAS um pressentimento, um adejar de pomba, um murmúrio de riacho, um beijo perdido, mas compôs o gesto de receber milagres. 

Licínia

7 Comments:

Blogger Justine said...

O milagre da poesia...

14/3/13  
Blogger jawaa said...

Uma bela musa.

15/3/13  
Blogger bettips said...

Um poema de mulher, expectante - uma lindeza, palavra e "acto" de esperar, com a mão graciosa (sempre) como uma ave a adejar no peito.

Pressinto (espero)eu que em breve se erga...

15/3/13  
Blogger mena maya said...

assim dizem os
poetas!

16/3/13  
Blogger agrades said...

Foi uma pedra informe; agora é um monumento de sensibilidade.

17/3/13  
Blogger Luisa said...

Pedras fazem estátuas, palavras fazem poesia.

17/3/13  
Blogger Benó said...

Uma delicadeza no colocar de mão, umas palavras bonitas escritas pela mão da Licinia. Um belo conjunto.

20/3/13  

Enviar um comentário

<< Home