>

quinta-feira, julho 11, 2013

9. Mena M.



O dia amanheceu "sebastião", um nevoeiro tão cerrado que não se via o mar cá de cima. Saí de casa à 7 da manhã, desci pela marginal até ao centro no passo acelerado do "walking matinal", dei um pulo à praça e dois dedos de conversa a uma amiga, que já não via há muito, enquanto comprava uns morangos e uns queijinhos frescos para o pequeno almoço.
Resolvi voltar pela praia ainda deserta. Surpreendeu-me a brandura do mar, o brilho das ondas, a temperatura da água.
Não resisti, pousei a bolsa e os sacos na areia, certifiquei-me de que a praia era ainda só minha e das gaivotas, tirei a roupa, entrei mar dentro e mergulhei.

Mena

7 Comments:

Blogger agrades said...

Enquanto os demais se queixam tu frutas e desfrutas!
Grande Eva!

11/7/13  
Blogger Rocha de Sousa said...


Muito boa fotografia em sintonia
com o texto, névoa, memória,marcha
e o louvor ao banho de mar

12/7/13  
Blogger M. said...

... E ainda deu tempo para pintares a fronteira entre o mar e a areia. :-))

12/7/13  
Blogger Licínia Quitério said...

Inaugurar o dia num baptismo salgado.

12/7/13  
Blogger bettips said...

Frescura de ler e imaginar!
Cabeça coroada no horizonte longínquo, rainha com um manto bordado que se estende.
(este fascínio do mar, Menazinha...)

13/7/13  
Blogger Justine said...

Mas que grande começo de dia! Aposto que o resto também correu bem:))))))

14/7/13  
Blogger jawaa said...


Mena, isto não se faz!:))
É tudo demasiado apetitoso!

15/7/13  

Enviar um comentário

<< Home