>

quinta-feira, janeiro 30, 2014

8. M.

6 Comments:

Blogger Luisa said...

Bonito "jardim" selvagem. Este é só esperar que a natureza se abra em chuva para ser regado.

30/1/14  
Blogger agrades said...

Crescem desalmadamente por estes caminhos, sem medos de serem comidas.

30/1/14  
Blogger bettips said...

Recordações da "Guidinha" na curva da estrada! Aposto que colheu um caule para o mastigar...

30/1/14  
Blogger Licínia Quitério said...

Crescem e reproduzem-se, contra o abandono, contra a secura.

31/1/14  
Blogger Rocha de Sousa said...


Gosto do clima, da luz, da imagem, mas não há mesmo flores para comer.

1/2/14  
Blogger M. said...

Rocha de Sousa:
Mas não é obrigatório comer flores, pois não? Aliás o texto diz »... as flores têm graça porque não se comem...» e «As flores não se comem e é por isso que elas não têm medo de crescer nos caminhos e nos parques...»

2/2/14  

Enviar um comentário

<< Home