>

quinta-feira, fevereiro 13, 2014

11. Rocha/Desenhamento



O corpo humano parece complexo, parece perfeito, por vezes muito belo. Diz-se com alguma simplicidade: o corpo, reportado à evolução das espécies, de Darwin, terá emergido de elementos básicos, entre longas e profundas conexões que caracterizam toda a Natureza e o modo como milhares de espécies, em meios diversos, se estruturaram à medida de milhares e milhões de formas vitais. Os povos antigos, as etnias que hoje se espalham por muitos continentes, sobretudo África, a África profunda, onde remotas populações tratam o rosto feminino de uma forma inusitada, com barros e plantas e flores, aparecem no esplendor de imagens como a desta fotografia. 
Rocha de Sousa

7 Comments:

Blogger M. said...

Uma fotografia belíssima que fixou um rosto, também ele belíssimo. Muito interessante o que o texto diz.

13/2/14  
Blogger Luisa said...

Bela foto!

13/2/14  
Blogger bettips said...

Uma maravilha de imagem e expressão e de como discorres sobre ela.
Da África onde nos dizem que tudo começou: suponho que as cores e sinais têm significados específicos (ou li algo alguma vez), conforme as etnias e celebrações.

E insisto que mais ainda do que o mostramos de belo e inusitado, o que fazemos pensar, dos outros e aos outros, é importante. Sem concurso, só pelo prazer de partilhar.

13/2/14  
Blogger Justine said...

Texto muito interessante, levando-me à miscigenação de toda a espécie humana, o que contraria as questões de raças e teorias semelhantes! A foto, esplêndida, traz questões duras como a igualdade de género, etc. ...

14/2/14  
Blogger agrades said...

O corpo é constituído por cabeça, tronco e membros. A cabeça, já apareceu...

14/2/14  
Blogger Licínia Quitério said...

O corpo como obra de arte. Os povos antigos fazem-no e os modernos tendem a fazê-lo de novo.

15/2/14  
Blogger Benó said...

Na foto só a cabeça nos é mostrada mas ela pertence a um corpo, certamente, que terá ou não tratamento de beleza.
Os nossos jovens com piercings, com tatuagens também decoram os corpos. Para embelezá-los? Penso que não.

17/2/14  

Enviar um comentário

<< Home