>

quinta-feira, fevereiro 13, 2014

5. Justine



O corpo é esbelto, flexível, suave. Pode ser sombra ou luz. Pode estar tenso, e relaxado no momento seguinte. Os movimentos são elegantes, ora lentos ora rapidíssimos. Mas sempre elegantes. O andar é silencioso, doce como veludo, ou como água a correr. Ou então é um andar agressivo, orgulhoso, de senhor e dono. É um corpo perfeito. É o corpo do meu gato! 
Justine

7 Comments:

Blogger M. said...

O menino-gato da Justine. Porque assim se costuma falar dos outros meninos das nossas vidas.

13/2/14  
Blogger Luisa said...

Gostava que o meu corpo tivesse todas essas características...

13/2/14  
Blogger bettips said...

Não desejando ser gato, já se nos foram os tempos flexíveis.
Aqui, Mounty, o teu impossível equilíbrio entre rei e pajem!

13/2/14  
Blogger Rocha de Sousa said...


Um gato que sabe o que quer

14/2/14  
Blogger agrades said...

Um tareco mimado, de corpo inteiro, sedutor e manhoso que faz as delícias da dona.

14/2/14  
Blogger Licínia Quitério said...

Um corpo de um gato é de facto de uma grande beleza. São plásticos, elásticos, inventores de formas insuspeitadas.

15/2/14  
Blogger Benó said...

Um corpo felino é duma elegância inusitada. Adoro ver os seus saltos, as suas posições de ataque às presas, as suas corridas. Um corpo felino é elegância. parabéns Mounty

17/2/14  

Enviar um comentário

<< Home