>

quinta-feira, junho 26, 2014

8. Rocha/Desenhamento

3 Comments:

Blogger Luisa said...

Nos ecrans dos nossos computadores tudo pode ser imaginado e contado.

27/6/14  
Blogger M. said...

Talvez os horizontes das crianças do nosso tempo. Crianças que fomos, crianças que são. Se assim for, é uma boa representação.

27/6/14  
Blogger bettips said...

Desvairados os tempos. Mas sobretudo não esquecer os passos fofos e os contos de encantar, da nossa infância. O poema de EA leva-nos de volta.

29/6/14  

Enviar um comentário

<< Home