>

domingo, junho 14, 2015

4. Licínia



Tivesse eu esta idade e esta força e talvez subisse e construísse e o céu me parecesse azul e imaculado e eu não caísse, não caísse... 
Licínia

3 Comments:

Blogger Justine said...

Minha amiga, agarra-te às palavras, às tua palavras poéticas, e tenho a certeza que não cairás...

15/6/15  
Blogger Luisa said...

Há forças e forças, umas do corpo outras do espírito mas equivalem-se.

15/6/15  
Blogger bettips said...

Pois... muitos gestos têm "idade", a força física - perenes e espirituais são as palavras que se/tu soltam!
Laços que seguram tempos.

17/6/15  

Enviar um comentário

<< Home