>

quinta-feira, abril 28, 2016

7. M.

2 Comments:

Blogger bettips said...

Esse Tejo azul proporciona belos encontros, belos sossegos. Como olhariam nossos navegantes do séc. XV aquela barra sem fim?

29/4/16  
Blogger Justine said...

Solidão, talvez? Apesar de se estar em família...

1/5/16  

Enviar um comentário

<< Home