>

quinta-feira, janeiro 12, 2017

6. Justine



Um dia, ao amanhecer, querendo sacudir de dentro de si os fantasmas da noite, ela vagueou pelo jardim procurando mudanças, ouvindo as aves a saudar o dia, respirando fundo. E mais uma vez se deixou maravilhar pela beleza e perfeição de uma vulgar obra que a natureza oferece aos olhos de quem quer ver: admirou a teia perlada de pingos de chuva, levantou a cabeça com determinação e encarou com coragem renovada o dia que começava! 
Justine

5 Comments:

Blogger Licínia Quitério said...

Grande foto do trabalho precioso da mestra tecedeira, nessa hora enfiado de pérolas.

16/1/17  
Blogger bettips said...

Encontrar coragem em coisas frágeis e belas, esse o segredo! Como um vitral de pérolas.

16/1/17  
Blogger bettips said...

... que engraçado que vi agora a L. a falar em pérolas, depois de escrever o meu comentário. Não falamos em lágrimas mas pérolas. Esse, o futuro dos meninos desta madrugada.

16/1/17  
Blogger jawaa said...


Maravilha!

17/1/17  
Blogger M. said...

Linda imagem. A lembrar-me as toucas das senhoras de alguns quadros de Vermeer.

17/1/17  

Enviar um comentário

<< Home