>

quinta-feira, abril 13, 2017

8. M.



A dada altura, quando saía do Museu da Seda em Castelo Branco, reparei na chaminé um pouco inclinada, mesmo ali diante de mim, e pensei como era possível aguentar-se em pé naquelas condições aparentemente instáveis. Resolvi então fixá-la na minha máquina fotográfica antes que se atirasse de vez sobre quem passava na rua. Numa situação dessas, indesejável por todos os motivos, só a cegonha seria capaz de voar e refugiar-se longe mas eu, que só tenho as asas do pensamento, não sei como poderia escapar a tamanha avalanche de tijolos centenários. 
M

2 Comments:

Blogger Justine said...

Seria uma pena que caísse, por vários motivos, sendo os principais o desaparecimento deste sinal de outro tempo,a possibilidade de fazer vítimas e a destruição do ninho da cegonha!

14/4/17  
Blogger bettips said...

Será que a cegonha o equilibra?

14/4/17  

Enviar um comentário

<< Home