>

quinta-feira, junho 15, 2017

4. Isabel


Sonhamos tanto.
De vez em quando, uma mão do destino, vinda não sabemos de onde estrangula-nos os sonhos.
Renovamo-nos.
A capacidade de sonhar, nunca morre!

Isabel

1 Comments:

Blogger M. said...

Pois, as nossas cabeças precisam de alimento. Para não definharem.

15/6/17  

Enviar um comentário

<< Home