>

quinta-feira, outubro 18, 2012

13. Teresa Silva



Estava ali parte da obra da artista. Importante conjunto, sem dúvida, mas... não consigo gostar. 
Estava lá, acima de tudo, a obra de um grande artista que construiu um edifício e um espaço absolutamente deslumbrante. 

Teresa Silva

8 Comments:

Blogger M. said...

Sem dúvida um edifício belíssimo e uma perspectiva de traços e cor especialíssima que me agrada muitíssimo. Ai aquele cor de rosa encantatório! Só na beleza das coisas nos salvamos da morte da vida.

18/10/12  
Blogger Licínia Quitério said...

Não conheço. Há tanta coisa que não conheço!

18/10/12  
Anonymous Anónimo said...

Andei arredada, tal como tu Teresa, certa que pelas mesmas razões. As chaminés ocres chamavam-me em cada volta. Da última vez não resisti e fui... Gostei. E achei que a Casa das Histórias merece assim, tal beleza que é, uma artista que projectou os nossos medos/mitos em tanto mundo!
bettips

18/10/12  
Blogger Rocha de Sousa said...

Apesar do que diz, com todo o acerto, eu penso que a Paula Rego
devia estar num museu próprio e mais acessível.

19/10/12  
Anonymous Anónimo said...

Gosto!
Da foto, do arquiteto, dos quadros.
A Casa das Histórias é um museu diferente como diferentes são as telas de Paula Rego.
Agrades

19/10/12  
Blogger Luisa said...

Gosto de entrar naquela casa e sentir todos os medos que os quadros me proporcionam. Volto às histórias da infância.

19/10/12  
Blogger Justine said...

Eu então, Teresa, gosto de tudo: do parque, do edifício, da obra espantosa da Paula Rego. Sou uma incondicional:)))))

19/10/12  
Blogger Benó said...

Tereza, não gostaste mas obtiveste uma linda foto.

21/10/12  

Enviar um comentário

<< Home