>

quinta-feira, maio 12, 2016

2. Benó



A voz das gaivotas quando disputam alimento arrasta-se sobre a relva, sobe em tons agudos para se dependurar nos ramos das árvores avisando outras aves que aquele banquete lhes pertence. Naqueles momentos de saciedade fala alto a voz da fome. 
Benó

4 Comments:

Blogger Justine said...

As gaivotas tornaram-se desagradáveis, depois de serem obrigadas a habitar as cidades. Longe o tempo em que as praias eram o seu habitat, e aí eram umas aves belas e simpáticas

15/5/16  
Blogger Licínia Quitério said...

São vorazes as gaivotas. Gritam, gritam.

17/5/16  
Blogger Luisa said...

As gaivotas não vêm a gritar em terra só quando há tempestade no mar?

17/5/16  
Blogger bettips said...

Como diz L. a mim assusta-me a sua voracidade, especialmente nas ruas das cidades. Mas a foto está linda!

18/5/16  

Enviar um comentário

<< Home