>

quarta-feira, maio 07, 2014

8. M.



Será talvez assim parte da palidez da existência: uma correnteza de histórias anónimas morrendo à beira dos passos de quem caminha ainda de mão dada com a vida. 
M

7 Comments:

Blogger Rocha de Sousa said...


Belo texto para uma bela fotografia

8/5/14  
Blogger agrades said...

Ainda com muita dignidade, nota-se que já tiveram melhores dias...

8/5/14  
Blogger Benó said...

Belo texto para uma casa tão decrépita.

8/5/14  
Blogger Luisa said...

Quantas vidas diferentes foram vividas atrás de tantas janelas iguais?

8/5/14  
Blogger jawaa said...

A decadência das coisas, das vidas. E outras vidas crescendo.

8/5/14  
Blogger Licínia Quitério said...

Fico sempre com a impressão de ver alguém ainda por detrás das janelas repetidas destas velhas casas.

9/5/14  
Blogger Justine said...

Será seguramente o desprezo das entidades competentes pelo nosso património arquitectónico...

11/5/14  

Enviar um comentário

<< Home