>

quinta-feira, abril 14, 2016

6. Licínia



Quando a noite se anuncia, ponho os olhos no céu, em despedida e louvor ao dia solar, em boas vindas ao tempo nocturno. É o que faço à minha janela aberta ao mundo. 
Licínia