>

quinta-feira, março 16, 2017

3. Jawaa

Uma sala régia, retratos, dourados, candelabros, artisticamente cobertos por uma abóbada trabalhada que me parece azuleijaria texturada, com ripas marmoreadas a segurá-la.
Ao olhar o retrato ao fundo, ocorreu-me o de D. João de Portugal, da peça magistral de Garrett, quando D. Madalena pergunta: Quem és tu? e ouve a resposta solene e intensa do mendigo: Ninguém!
Mas não, não poderia ser, aquela sala seria pesada e escura, sem luz, sem o brilho desta.

Jawaa