>

quinta-feira, abril 17, 2014

4. Jawaa

Bela e oportuna imagem, quase uma ficção do porvir, os livros como túmulos que só de tocar-se - menos ainda a coragem de os abrir ou folhear - podem transmitir doenças, vírus guardados no pó, marcas das mãos que os acariciaram no tempo em que mergulhar neles era uma sensação indizível, sempre nova e fascinante.
Jawaa

2 Comments:

Blogger Licínia Quitério said...

Não sou tão pessimista. Independentemente do suporte, que já foi pedra, barro, pele, sei lá que mais, a transmissão escrita do saber vai continuar, quem sabe alargar-se, nas malhas do virtual, expurgado que será de bactérias e armadilhas.

17/4/14  
Blogger Justine said...

Esse tempo não há-de chegar, Jawaa! Impossível o homem viver sem cultura, sem leitura, sem poesia!

17/4/14  

Enviar um comentário

<< Home