>

quinta-feira, janeiro 24, 2013

3. Jawaa

Uma imagem que pode simbolizar o presente: em primeiro plano, linhas rectas, truncadas, sobre a cor da esperança embora. 
Ao fundo o mar, depois das nuvens, o céu aberto, a luz de uma madrugada qualquer.

Jawaa

5 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Uma leitura bem própria da Jawaa:
primeiro o plano e a geometria, uma
esperança que já fica perto do mar.
E ainda: fundo do mar, nuvens,a de-
cisão do seu aberto. Parece um mundo sem nódoa. Mas reparem como a
luz é a luz de uma madrugada qualquer.

Rocha de Sousa

24/1/13  
Blogger bettips said...

Porque se acorda, vê-se uma realidade. E aí, de olhos abertos, fica na imaginação todo o espaço de um sonho
(ainda) poder
amanhecer.

24/1/13  
Blogger Luisa said...

São estas linhas truncadas e abandonadas que me cortam a esperança.

25/1/13  
Blogger Justine said...

Que a madrugada, lívida mas luminosa, chegue depressa...

27/1/13  
Blogger Licínia Quitério said...

E do crespúsculo chega-se à madrugada. Assim a Jawaa e o seu olhar de esperança.

28/1/13  

Enviar um comentário

<< Home